Educação

 

RODA DE DIÁLOGOS SOBRE A LEI. 10.639/03

 

 

Buscando atender a demanda da elaboração das Diretrizes Curriculares Alagoanas para a Educação das Relações Étnico-Raciais e para o Ensino da Cultura-Afro-brasileira, afro-alagoana e africana (Lei estadual nº 6.814/07) e a criação de espaços para visibilização do aniversário dos 05 anos da Lei Federal nº 10.639/03, a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte, através da  Gerência de Educação Étnico-Racial, realiza dia 09 de janeiro de 2007, a IV Roda de Diálogos: “A Educação Construindo  Políticas Públicas para  Promoção da Igualdade Racial”, das 09 às 12 horas, na Sala dos Conselhos do Palácio República dos Palmares.

             A proposta  desta IV Roda de Diálogos é não só criar  uma agenda de políticas educacionais inclusivas, como também um diálogo e a troca de experiências com instituições governamentais e não-governamentais, estabelecendo assim a missão institucional da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte de reconhecimento, valorização e implementação no sistema de ensino da Lei Estadual nº. 6.814, sancionada em 02 de julho de 2007 (cria  a obrigatoriedade do estudo da África, dos afro descendentes brasileiros e alagoanos e o ensino das relações étnico-raciais no currículo das escolas alagoanas), da diversidade  cultural, de gênero.

            A IV Roda de Diálogos é continuidade do processo de  construção das diretrizes curriculares estaduais para a Educação das Relações Étnico-Raciais e o Ensino da História e das Culturas Afro-brasileira, afro-alagoana e africana, iniciado em outubro de 2007, pela consultora, Denise Botelho,professora da Universidade de Brasília (UNB). Nessa fase de formulação das diretrizes alagoanas, teremos a participação da   pedagoga e consultora para questão racial, Fátima Solange Cavalcante, coordenadora da  Pastoral Afro-brasileira no Estado da Paraíba. Militante do movimento negro. Participante da comissão governamental na cidade de Campina Grande/PB para implantação de lei 10.639 e da comissão governamental de Bezerros em Pernambuco para formulação da diretriz na lei.

         Foram convidadas instituições como o Conselho Estadual de Educação, SINTEAL,UNDIME, UNEAL, NEAB, CEFET, secretarias de educação dos municípios alagoanos, Secretaria da Mulher, Cidadania e Direitos Humanos, Secretaria da Assistência e Desenvolvimento Social, Prefeitura de Viçosa, movimento negro, Secretaria de Cultura, superintendências  e gerências da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte,representações da Assembléia Legislativa e Câmara Municipal. 

 

Programação 
 

09h00- Composição da mesa

09h20 – Apresentação artística

09h25- Apresentação do documento das  diretrizes estaduais ( proposição)

10h00- Pausa para cafezinho

10h10- Discussão e elaboração coletiva das Diretrizes.

11h20- Socialização

12h00- Encerramento 

 

Inscrições: (82) 3315-1268 ou pelo e-mail: arisia.barros@ig.com.br.

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: