Arquivo

Archive for janeiro \30\America/Maceio 2009

RELIGIÃO

30 de janeiro de 2009 Deixe um comentário
 
 

 

O Núcleo de Cultura Afro Brasileira Iyá Ogun-té, entidade filantrópica, sem fins lucrativos, de utilidade pública, Municipal e Estadual, hoje, Ponto de Cultura e Ponto de Leitura conveniado ao Ministério da Cultura -MINC em conjunto com as federações e o movimento das casas de axé tem a honra de convidá-lo para participar do ato “Xangô Rezado Alto – Fomento a integração das casas de axé”, que visa informar à população sobre as leis de combate à Intolerância Religiosa de Matriz Africana, com isto elevando à auto estima do cidadão afro descendente das comunidades tradicionais de terreiros que no dia 02 de fevereiro as 17:00h estarão concentradas na praça 13 de Maio no bairro do Poço(vizinho ao SESC) de onde realizarão um ato simbólico em nome de todos os que tombaram pela religião, seguindo com um cortejo afro religioso pelas ruas da cidade, contrapondo-se ao “QUEBRA DO XANGÔ”, fato histórico ocorrido em nossa cidade em 1912, quando uma milícia particular formada com intenções eleitoreiras decidiram não respeitar a cidadania da população e invadiram agressivamente os terreiros de Maceió, quebrando artefatos, humilhando os sacerdotes e sacerdotisas, destruindo espaços sagrados e levando um grande número de pessoas à morte.

     A legitimação do dia 02 de Fevereiro como Dia Municipal e Estadual de Combate à Intolerância Religiosa é resultado de uma articulação do Ponto de Cultura, das casas de axé de Alagoas, Federações com os gestores Municipais e Estaduais.

Segue a proposta de programação:

Dia de Combate a Intolerância Religiosa de Matriz Africana”

17:00h – Concentração dos Religiosos na praça 13 de Maio no poço (ao lado do SESC),

18:00h – Ato Religioso com entrega de flores em memória a todos que sofreram com o QUEBRA de 1912

18:30 – Cortejo Afro Religioso em direção a Praça ao lado da Sinimbu

19;00h – Entrega simbólica da lei por autoridades aos sacerdotes e sacerdotisas de matriz africana e fala dos gestores e representantes religiosos sobre a importância da lei.

20:00h – Canto de aclamação a Paz com a revoada de Pombos e plantio de muda de árvore sagrada.

20:30h – Apresentações culturais – Afoxé Odô Iyá, Orquestra de Tambores, Omim Morewá, Baque Alagoano, entre outros. 

 

CONTATOS:

Amauricio (82) 8819-6762 email: amauricio35@hotmail.com

Célio Rodrigues (82) 9908-0101 email: rodriguesaguas@ibest.com.br

 
Categorias:Informes

IMPORTANTE

27 de janeiro de 2009 Deixe um comentário
 

Maceió-AL, 27 de janeiro de 2009.

 

CONVOCATÓRIA

 

A presidente do Centro de Cultura e Estudos Étnicos Anajô, Helciane Angélica Santos Pereira, no uso das suas atribuições estatutárias convoca todos os membros associados para a ASSEMBLEIA GERAL e ELETIVA. A atividade será realizada no dia 06 de março (sexta-feira) às 19h, na residência da companheira Cida Cigana localizada na rua Manoel Porciúncula, 57, Jacintinho. Maceió-AL. Cep:57040-100.

 

 

                           

Helciane Angélica Santos Pereira

Presidenta

Categorias:Anajô

DIVULGAÇÃO

27 de janeiro de 2009 Deixe um comentário

 

COJIRA-AL: Informes Afros

 

   v 27/01 a 01/02 – Fórum Social Mundial / CONNEB

Acontecerá em Belém (PA) o Fórum Social Mundial, com várias palestras, oficinas, debates, plenárias e atos públicos. Alagoas tem representantes de vários segmentos sociais, inclusive, a Cojira-AL tem duas representantes, as jornalistas Emanuelle Oliveira e Kelly Baeta. Na programação também consta o Congresso de Negros e Negras do Brasil (CONNEB), que busca construir um documento, chamado Projeto Político do Povo Negro para o Brasil, onde serão colocadas as questões da militância negra de todo o país.

   v 28/01 (quarta-feira) – Reunião

Terá a reunião da Coordenação Executiva Preparatória da 1ª Conferência Nacional da Segurança Pública, às 15h, na Secretaria de Segurança Pública. A coordenação geral possui 11 entidades ligadas à sociedade civil, e a ONG Maria Mariá representa o segmento negro e de gênero.

   v 30/01 (sexta-feira) – Roda de capoeira

A Federação Alagoana de Capoeira (Falc) realizará a roda do mês de janeiro às 17h, no centro de Maceió em frente à loja Insinuante. Todos os capoeiristas filiados e simpatizantes estão convidados.

   v 30/01 (sexta-feira) – Roda de capoeira 2

O professor de capoeira Denivan Costa, coordenador do Projeto Potencial Capoeira, informa que terá uma roda especial no Mirante do Jacintinho, por trás da rádio 96fm, às 19h. Participarão os 40 integrantes do projeto, que são estudantes de escolas públicas do bairro e convidados.

   v 02/02 (segunda-feira) – Reflexão

Dia de Combate à Intolerância Religiosa em Alagoas. A data é o dia de Iemanjá e também ressalta os acontecimentos históricos no ano de 1912, quando várias casas de axé foram destruídas e praticantes foram perseguidos – o fato é conhecido como Quebra de Xangô. Eis mais um momento de reflexão, que busca renovar a luta contra o preconceito e o respeito aos cultos diversos.

v 02/02 (segunda-feira) – Lançamento

O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (NEAB/UFAL) convida toda sociedade alagoana para o lançamento do livro “Kulé-Kulé IV: Religiosidades”, às 17h, no museu Théo Brandão.

v 07 e 14/02 (sábado) – Oficina de Pandeiro

          Nos dois primeiros sábados de fevereiro, das 12 às 17h, terão oficinas de pandeiro coordenadas pelo músico Wilson Santos. Serão duas turmas, uma para os iniciantes e a outra para os avançados. Investimento: R$ 25,00. Mais informações: 8871-0627.

 

Fonte: www.cojira-al.blogspot.com

 

Categorias:Informes

ENCONTRO

26 de janeiro de 2009 Deixe um comentário

 

Anajô participa do CONNEB no Pará

 

O Centro de Cultura e Estudos Étnicos Anajô, organização não governamental de Alagoas interligada ao movimento social negro, participará do Fórum Social Mundial em Belém (PA) no período de 27 de janeiro a 1º de fevereiro de 2009.

A diretora Maria Madalena da Silva (foto) foi escolhida para representar a entidade no encontro devido a disponibilidade e comprometimento social, além disso, atua na área sindical, é a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino Privado em Alagoas (Sintep). Também foi eleita delegada para o Congresso de Negros e Negras do Brasil e será uma das representantes do Estado.

 

                                          

                                          Madalena Silva – diretora do Anajô

 

De acordo com a presidente do Anajô, Helciane Angélica, mesmo diante das dificuldades financeiras a entidade não poderia ficar ausente do processo. “O Anajô busca fortalecer a luta dos afrodescendentes, preza pela formação de seus membros e a troca de experiências, e o Fórum representa tudo isso. Num mesmo espaço, lideranças comunitárias, sindicalistas e ativistas de vários segmentos, com culturas diferentes e de várias partes do mundo estarão discutindo temas importantes e polêmicos, expondo suas opiniões e propostas para o desenvolvimento sóciopolítico e econômico mundial. Enfim, mesmo com as inúmeras dificuldades não poderíamos ficar de fora do evento”, afirmou.

 

CONNEB

O Congresso de Negros e Negras do Brasil (CONNEB) acontecerá nos dias 29 a 31 de janeiro, e encontra-se na programação do FSM. Pretende-se reunir 600 delegados, ativistas oriundos de várias partes do país que juntos terão como meta: a construção de um documento, chamado Projeto Político do Povo Negro para o Brasil.

Alagoas teve direito a 14 delegados no máximo (quantidade determinada pela comissão organizadora, relacionada à proporção de negros na população de cada Estado), mas outras pessoas podem participar na condição de observadores.

Os outros representantes indicados foram: Arísia Barros (Ong Maria Mariá); Benedito Jorge Da Silva (Pastoral da Negritude – Igreja Batista Do Pinheiro); Djalma Roseno Filho (Associação de Grupos Culturais e Entidades Negras De União Dos Palmares – Agrucenup); Ednaldo Minervino (Juventude Negra do PT-AL); Jorge Luis Riscado (Afroatitude – Ufal); Marlúcia Cordeiro Oliveira (Unegro-AL); Noelma Sandra Da Silva Santos (Sintufal/Cut); Marta De Carvalho Silva (Mulheres Negras/ Unegro-AL); Vera Falcão (Associação Dos Falcêmicos De Alagoas).

Mais informações sobre o encontro e a programação completa podem ser encontradas no site: www.conneb.org.br.

 

Categorias:Anajô

CONVITE

15 de janeiro de 2009 Deixe um comentário
 
 
Secretaria de Estado de Defesa Social de Alagoas

Prezado (a) Sr (a),
 
Será realizada em Maceió no dia 20 de janeiro de 2009 às 14h00, no auditório do Palácio do Governo, o lançamento da 1ª CESP-AL, estando presente a solenidade o Excelentíssimo Sr Vice Governador José Wanderley Neto e componentes  da Comissão Executiva Nacional da 1ª CONSEG, a fim de prestigiar nosso evento, gostaríamos de contar com a presença de Vossa Senhoria.
 
 
Atenciosamente,
 
 
Marcus Vinícius Ferreira Gomes – Ten Cel PM
Secretario 1ª CESP-AL
Categorias:Informes

POLÍTICA E ARTE

15 de janeiro de 2009 Deixe um comentário
 
Obama em HQ
 
 
 
A Marvel é uma verdadeira fábrica de super-heróis e uma das mais famosas produtoras de revistas em quadrinhos no mundo, lançou ontem (14.01) nos Estados Unidos uma edição especial, que aparece o presidente eleito Barack Obama. Na história, um dos mais antigos inimigos do Homem-Aranha tenta estragar a cerimônia de posse de Obama, em Washington – mas, no final acaba tudo bem. Na vida real, o presidente eleito dos EUA toma posse no próximo dia 20. De acordo com o editor-chefe da Marvel, Joe Quesada, a idéia da revista surgiu quando souberam que Obama é um grande colecionador dos quadrinhos do Homem-Aranha. A arte da HQ, "Amazing Spider-Man nº583", é de Todd Nauck e Frank D’Armata e o roteiro é de Zeb Wells.
Categorias:Entretenimento

BRASIL ALFABETIZADO

15 de janeiro de 2009 Deixe um comentário
 

Quilombolas vão ganhar salas de aula em 18 municípios alagoanos

Parceria entre Iteral e Secretaria de Estado da Educação garante implantação de salas de aula em 31 comunidades quilombolas

Por: Diego Barros

Famílias de 31 comunidades quilombolas de 18 municípios serão incluídas no Programa Brasil Alfabetizado, por meio de uma parceria entre o Instituto de Terras e Reforma Agrária de Alagoas (Iteral) e a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte. A previsão é que as aulas comecem ainda em fevereiro.

Nesta terça-feira, 13, a gerente do Núcleo de Quilombolas do Iteral, Berenita Melo, conclui uma visita a oito comunidades de cinco municípios para recolher o cadastro com informações sobre a quantidade de alunos por turma, quem será o alfabetizador e onde serão ministradas as aulas. Os municípios visitados são Arapiraca, Traipu, Teotônio Vilela, Penedo e Igreja Nova.

Conforme explica a gestora do Programa Brasil Alfabetizado da Secretaria de Educação, Nilza Duarte, cada turma deve ter no mínimo sete e no máximo 25 alunos. “Na zona urbana esse número é diferente: é preciso que haja no mínimo 14 e no máximo 25 alunos”, esclarece. Segundo ela, em Alagoas o programa do governo federal recebeu o nome de Alfabetizar é Preciso e já é executado desde 2003.

Os alunos devem ser analfabetos, ter no mínimo 15 anos e cada turma tem duração de oito meses. Segundo Nilza Duarte, as aulas podem ser ministradas em espaços alternativos, como a sede da associação da comunidade, o salão paroquial da Igreja ou mesmo na casa do alfabetizador.

“Para ser alfabetizador do programa é preciso ter o ensino médio completo e residir preferencialmente na própria comunidade ou na região”, observa a gestora, baseada no que dizem as resoluções 36 e 40, de 2008. “O crescimento de um povo depende da educação que é oferecida a ele. A educação é preponderante para o desenvolvimento social”, comenta Nilza Duarte.

Comunidades atendidas

As comunidades que serão atendidas por essas novas turmas do Programa Brasil Alfabetizado são: Mombaça, Belo Horizonte e Urucu (Traipu); Mameluco, Poços do Lunga e Passagem do Vigário (Taquarana); Sapé (Igreja Nova); Oiteiro e Tabuleiro dos Negros (Penedo); Aguazinha, Gameleiro e Guarani (Olho D’Água das Flores); Cajá dos Negros (Batalha); Alto do Tamanduá (Poço das Trincheiras); Alto da Madeira (Jacaré dos Homens); Caboclo (São José da Tapera); Serra das Viúvas e Lagoa das Pedras (Água Branca); Birrus e Abobreiras (Teotônio Vilela); Carrasco e Pau D’Arco (Arapiraca); Tabacaria (Palmeira dos Índios); Vila de Santo Antônio e Filomena (Palestina); Muquém (União dos Palmares); Mariana, Jussarinha e Filús (Santana do Mundaú); Gurgumba (Viçosa) e Serrinha dos Cocos (Senador Rui Palmeira).

De acordo com Nilza Duarte, desde que chegou a Alagoas, em 2003, o Programa Brasil Alfabetizado já atendeu 86.489 jovens e adultos analfabetos. A previsão para a etapa 2009-2010 é atender pelo menos 50 mil pessoas, entre moradores de comunidades rurais e da zona urbana.

Fonte: Agência Alagoas

CARTA

11 de janeiro de 2009 Deixe um comentário
 
 
Aos membros do Comitê Gestor do PMQP.
 
A/C do Presidente (malungo) ZEZITO ARAÚJO

 
Prezados,
 
Acredito sincero e honestamente que muitas coisas boas podem e devem acontecer em favor da Serra da Barriga, sendo que uma delas é claro, já aconteceu que foi a construção do PMQP.  No entanto, apesar de termos meios de comunicação hoje diretamente articulando e fomentando essa prática nas instâncias dos segmentos afros de Alagoas, confesso ter ficado muitíssimo triste ao saber em apenas algumas horas, que haveria uma grande programação cultural na Serra da Barriga, dentro do plano de ação da Fundação Sonia Ivar com o apoio deste comitê, naturalmente. Obviamente, também foi lamentável não saber das atividades anteriores em tempo hábil.
Vejam! Ontem no sábado 10/01 durante a realização do TAMBOR FALANTE – Ciclo de Debates aberto a todos os interessados,(confira nos blogs da COJIRA e ANAJÔ) pude constatar a expressão de surpresa por parte de várias pessoas no tocante a citada programação cultural com a presença do AFRO-REGGAE. Observe que são lideranças diversas, inclusive de grupos de base que fazem trabalhos belíssimos na periferia e que gostariam se programarem para poderem viajar e subir a Serra, visto que uma coisa é o público de União dos Palmares, outra coisa são pessoas de outras cidades, principalmente Maceió.
Acreditem, fico reflexivo em ouvir severas críticas a este comitê que talvez com um pouquinho só de abertura e maior comunicação, certamente tais inquietações seriam amenizadas se não dirimidas e conseqüentemente apoiadas na sua dimensionalidade.
Vejam bem, todos sabem que (PARTICULARMENTE) há muito sou contra a qualquer tipo de "SHOW" no Platô da Serra, mas, essa é a minha opinião. Aliás, pensamento este fruto de alguns encaminhamentos quando éramos “todos” membros da antiga CENAL – Coordenação de Entidades Negras de Alagoas, quando decidimos lutar para essa prática não acontecer na Serra devido a todas as questões inerentes a própria segurança do local, além é claro de respeitar as orientações dos religiosos no tocante a ancestralidade e a presença de tantos eguns. Ou seja, não podemos ignorar os passos que demos na história.
Concomitantemente, sou inteiramente a favor que aconteçam atividades permanentes, capazes de receber qualquer visitante, seja: perquisador, capoeirista, ogã, abian, babalaô, liderança política ou personalidade do mundo inteiro. Entretanto, devem contemplar o paisagismo, a historicidade quilombola, efetivando o turismo étnico, além é claro de fortalecer os segmentos afros urbanos e rurais de União dos Palmares e de outras cidades, através de suas performances culturais e exposições, dentre outros entretenimentos.
Naturalmente, não vou sair por aí como alguns fazem, ou fizeram, falando mal do comitê e principalmente da FCP a quem acompanho desde sua fundação. Mas, na condição de amigo, de militante tantos anos, de parceiro, verdadeiro em seus pensamentos principalmente em relação a SERRA DA BARRIGA, finalizo propondo com muita humildade, que divulguem antecipadamente as ações, socializem as demandas com tranqüilidade e, sobretudo, não tratem a incumbência dos senhores enquanto membros do comitê gestor que o são, como sendo algo de ordem pessoal ou ensimesmada. Mas enquanto representantes de segmentos e instituições, cujo povo negro espera o melhor de cada um. Assim sendo, todos poderemos constatar que a união por si só será capaz de fortalecer a luta inclusiva e a organização do nosso povo, onde quer que estejamos.
 
Abraços com sinceros desejos de felicidades nas decisões e ações.
 
Atenciosamente,
 
Helcias Pereira
Militante Negro Alagoano
Diretor Cultural do ANAJÔ
Categorias:Anajô

FIQUE SABENDO!

11 de janeiro de 2009 Deixe um comentário

 

COJIRA-AL: Informes Afros

 

   v 12/01 (segunda-feira) – Assembléia Extraordinária do Fenal

O Fórum de Entidades Negras de Alagoas (Fenal) convoca os representantes das entidades filiadas e demais interessados para participar de uma reunião extraordinária às 19h, na sala multi-uso localizada no Espaço Cultural da Ufal, Praça Sinimbu – Centro de Maceió. Na ocasião serão escolhidos os delegados para o CONNEB, que acontecerá em Belém-PA nos dias 30, 31 de janeiro e 1º de fevereiro – busca fortalecer as entidades e construir um projeto político para a população negra do Brasil. O Estado de Alagoas poderá enviar 14 delegados, que não precisam ser necessariamente filiados ao Fenal, mas precisa ser eleitos em uma plenária. Contatos: 8807-1803.

v 13/01 (terça-feira) – Reunião dos Mestres

Os integrantes do Conselho Estadual de Mestres de Capoeira de Alagoas terão uma reunião às 19h, na Churrascaria Tempero Gaúcho (Tabuleiro). Pauta: Discussão sobre o Estatuto da entidade e planejamento de atividades para 2009.

v 14/01 (quarta-feira) – Quarta do Reggae

Com o objetivo de comemorar os dois anos da casa de show REGGAE NIGHT (praça Dois Leões – Jaraguá), os dez melhores Djs do movimento reggae em Maceió irão fazer uma grande animação positiva neste inicio de 2009. A programação tem início às 22 h, os ingressos custam R$ 5. Mais informações: 8832-5394 / 9135-1171.

v 17/01 (sábado) – Show

Será lançado o projeto Santa MPB (todos os sábados) no Restaurante Santa Maré localizado na Barra Nova, a partir das 21h. O show conta com os artistas Igbonan Rocha (voz) – Miran ABS (cello e flauta) e João Teba (violão). Mais informações: 3260-6057 / 9929-3777 / 9972-1583.

v 24 e 31/01 (sábado) – Oficina de Pandeiro

          Nos dos últimos sábados de janeiro, das 12 às 17h, terão oficinas de pandeiro coordenadas pelo músico Wilson Santos. Serão duas turmas, uma para os iniciantes e a outra para os avançados. Investimento: R$ 25,00. Mais informações: 8871-0627.

 

   v Todos os finais de semana – Baque Alagoano

          O Maracatu Baque Alagoano intensificará os ensaios gerais, como preparatório para o carnaval. A atividade é aberta ao público, acontecerá todos os sábados e domingos no histórico bairro do Jaraguá. Confira a agenda e outras informações no blog: www.maracatubaquealagoano.blogspot.com

 

 

Confira as ações da mídia afro-alagoana no blog: www.cojira-al.blogspot.com.

Categorias:Informes

SERRA DA BARRIGA

11 de janeiro de 2009 Deixe um comentário
 
 

Coluna: Notícias do interior

et.jornalista@bol.com.br

Tribuna Independente

10/01/2009

 

 

União – show

 

O Projeto Sociocultural do Parque Memorial Quilombo dos Palmares tem como grande atração musical neste domingo à tarde, a banda AfroReggae. O projeto é uma parceria entre a Fundação Sônia Ivar (DF) e a Fundação Cultural Palmares, do Ministério da Cultura. Além do AfroReggae a programação conta ainda com apresentação das bandas locais Afro Zumba, The Prisma e da capoeira Guerreiros de Aruanda. O acesso aos shows é inteiramente grátis.

 

União – finalidade

O Projeto Sociocultural tem objetivo de promover atividades socioculturais como visitas técnicas de crianças e jovens para a formação de atitudes de preservação do patrimônio cultural; intercâmbios artístico-culturais de comunidades quilombolas e comunidade negra em geral. Ele tem aulas-espetáculos, que utilizam diversas linguagens artísticas e qualificação profissional de jovens para o desenvolvimento do turismo étnico sustentável. Seu público-alvo: estudantes de escolas públicas municipais e estaduais de Alagoas, entre outras categorias, etc.

 

 

 

 

Comentário:

 

A informação acima encontrei por acaso no jornal Tribuna Independente, não recebi nada por email e o mais incrível não houve uma divulgação ampla. Aí fica a pergunta, será que realmente tem público prestigiando?!

 

É extremamente importante dar visibilidade ao Parque Memorial Quilombo dos Palmares localizado na Serra da Barriga em União dos Palmares; além de expor as ações afro-culturais desenvolvidas em nosso Estado e artistas destaques do país. Porém, não é só de shows que o patrimônio nacional precisa.

 

Tudo bem, que essas atividades movimentam o município e fortalecem a geração de renda. Mas, outras questões estão sendo esquecidas, como o pleno funcionamento do Parque (regularização do restaurante e a pavimentação do acesso, que se arrasta por anos); tem ainda a situação delicada dos moradores que estão em área tombada e sobrevivem apenas da roça; e a necessidade de investir mais no reflorestamento ambiental, etc.

 

Bom, toda e qualquer ação que busque exaltar a Serra e a história do Quilombo dos Palmares é favorável! Mas, é preciso ampliar a mobilização e participação do movimento social negro.

 

 

 

 

Helciane Angélica

Jornalista / Presidente do Anajô / Integrante da Cojira-AL

 

Categorias:Entretenimento