Inicial > Entretenimento > CULTURA

CULTURA

17 de fevereiro de 2009 Deixe um comentário Go to comments
 
 

Escolas de samba

 

Por: Helciane Angélica (*)

Jornalista / Presidente do Anajô / Integrante da Cojira-AL

 

 

A “Deixa Falar” foi a primeira escola de samba do Brasil, fundada em 18 de agosto de 1928, na cidade do Rio de Janeiro, estreou oficialmente no carnaval no ano seguinte. O termo “escola de samba” foi escolhido, porque na rua Estácio onde aconteciam os ensaios, havia uma Escola Normal, daí o nome.

Com o sucesso e a animação dos moradores da região, estimulou a criação de outras agremiações de samba; atualmente há escolas de samba em quase todos os estados brasileiros e em muitos países do mundo. Nas primeiras décadas, as escolas de samba não possuíam toda estrutura e organização como agora; eram organizadas de forma simples, com poucos integrantes e pequenos carros alegóricos. A competição entre elas não era o mais importante, mas sim a alegria e a diversão. Ultimamente, a luxuosidade, criatividade e modernidade são ferramentas essenciais que enaltecem principalmente as representantes do Rio de Janeiro e São Paulo, que se preparam durante um ano inteiro e movimentam milhões para a economia carnavalesca, além de atrair turistas de várias partes do Brasil e do planeta.

Em Maceió, existem cinco agremiações que enfrentam muitas dificuldades, mas não perdem o brilho e a alegria de mostrar seu trabalho. Este ano, tiveram verba garantida para a realização das atividades, após um convênio firmado com o governo de Alagoas. As escolas se apresentarão no sábado (21), às 20h, na Avenida da Paz, respeitando a seguinte ordem: Girassol, Arco-Íris, 13 de maio, Jangadeiros Alagoanos e Gaviões da Pajuçara – com 50 minutos cada uma, terão que percorrer o trajeto do Coreto em Jaraguá, até a curva do estacionamento, finalizando em frente ao prédio da Associação Comercial. A comissão julgadora ficará atenta a todos os detalhes, é composta por profissionais ligados ao carnaval indicados pela Secult e pela Liga das Escolas.

Vale a pena conferir!

 

 

Temática Afro

Nas noites 20 e 21 de fevereiro, no Sambódromo, desfilam ao todo 14 escolas de São Paulo; já no Rio de Janeiro são 12, que percorrerão a Marquês de Sapucaí, nas noites de 22 e 23. O samba-enredo é um dos quesitos utilizados no julgamento dos desfiles, deve retratar o enredo escolhido pela comissão de carnaval da escola. Com temas variados, abordam histórias diferenciadas, exaltam personalidades e destacam fatos importantes no desenvolvimento da humanidade, aliando diversão com conhecimento e também sensualidade. Porém, têm alguns deste ano que merecem destaque na Coluna Axé: "Uma nova Angola se abre para o Mundo! Em nome da paz, Martinho da Vila canta a liberdade!" (Tom Maior-SP); “Tambor” (Acadêmicos do Salgueiro-RJ); “A Mangueira traz os Brasis do Brasil, mostrando a formação do povo brasileiro” (Estação Primeira de Mangueira-RJ); “Vira Bahia, pura energia!” (Unidos do Viradouro-RJ). Enfim, é a riqueza afro… nos temas, na beleza das passistas, na qualidade do samba e na alegria do povo brasileiro!

 

 

 

(*) Material publicado na COLUNA AXÉ, jornal Tribuna Independente, 17 de fevereiro de 2009.

Anúncios
Categorias:Entretenimento
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: