Início > Notícias e política > Jornalista da CPT recebe menção honrosa em Alagoas

Jornalista da CPT recebe menção honrosa em Alagoas

Helciane Angélica concorreu com o Case “Feira Camponesa: Ações de comunicação e valorização dos feirantes/agricultores”


No sábado (20.11), Dia Nacional da Consciência Negra, ocorreu no espaço de eventos Armazém Uzina o 21º Prêmio Braskem de Jornalismo 2010, que é considerado o mais importante prêmio da categoria no Estado de Alagoas. A atividade é promovida pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Alagoas (Sindjornal) e tem como patrocinador a Braskem.
A jornalista Helciane Angélica presta serviços na área de assessoria de comunicação desde março de 2009 na Comissão Pastoral da Terra (CPT-AL), pastoral social e ecumênica vinculada à Arquidiocese de Maceió. Ela se inscreveu no prêmio, na categoria assessoria de imprensa, q ue teve ao todo sete profissionais atuantes em instituições públicas e privadas.
O trabalho inscrito foi “Feira Camponesa: Ações de comunicação e valorização dos feirantes/agricultores”, que foi apresentad o por meio de um Case. Trata-se de um relato com no máximo 50 li nhas sobre o conjunto de ações desenvolvidas com o objetivo de alcançar a resolução de um problema no relacionamento com a imprensa; contendo análise da situação anterior, as providências tomadas, os resultados atingidos e uma conclusão, com a avaliação da eficácia das ações executadas entre os d ias 25 de setembro de 2009 e 23 de setembro de 2010.
Helciane Angélica ficou entre as finalistas da categoria, e concorreu co m as jornalistas Isa Mendonça e Simoneide Araújo, respectivamente, assessoras de imprensa da Eletrobrás Distribuição de Alagoas e da Procuradoria Regional do Trabalho de Alagoas (PRT) da 19ª Região. A grande campeã foi Simoneide Aráujo com a divulgação da Campanha de combate ao trabal ho infantil. Porém, o júri também decidiu entregar uma menção honrosa à jornalista da CPT pelo importante trabalho executado na divulgação do projeto que valoriza a produção agroecológica das famílias camponesas em áreas da reforma agrária; além de parabenizar pela visibilidade que tem adquirido junto aos veículos de comunicação locais.

Fonte: www.cptalagoas.blogspot.com

____________________________________________________

A jornalista também faz parte do movimento negro de Alag oas! Atualmente, é a Presidenta do Centro de Cultura e Estudos Étnicos Anajô, Coordenadora Estadual dos Agentes de Pas toral Negros do Brasil (APNs) e faz parte da Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial de Alagoas (COJIRA-AL), além de ser editora da Coluna Axé que é publicada todas às terças-feiras no jornal Tribuna Independente.

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: