Arquivo

Posts Tagged ‘Sessão pública’

Sessão pública discute capoeira e educação

8 de agosto de 2015 Deixe um comentário

20150807_133850
Integrantes do Centro de Cultura e Estudos Étnicos Anajô – organização não governamental vinculada aos Agentes de Pastoral Negros do Brasil (APNs) – estiveram presentes na sessão especial sobre “Capoeira: Educação e as Políticas Públicas”, realizada nessa sexta-feira(07.08), na Câmara Municipal de Maceió. Esse é o quinto consecutivo que a capoeira é abordado na casa parlamentar, uma iniciativa da vereadora Tereza Nelma (Psdb).

Na ocasião, estiveram presentes pesquisadores, gestores públicos, representantes de associações de moradores e instituições do movimento negro alagoano. Da capoeira, participaram das discussões mestres, contra mestres, professores, instrutores e aprendizes de várias idades.

Dentre os grupos de capoeira presentes estavam: Muzenza, Liberdade, Ginga Terapia/Pestalozzi, Escola de Capoeiragem, Raça, Tradição, Viver Capoeira, Candeias, Abadá Capoeira, Coral Nordeste, Filhos de Angola, Arte Brasil e a Associação Cultural Escola Brasil Capoeira.

Confira o registro fotográfico:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Anajô/APNs participa de sessão pública

22 de outubro de 2013 1 comentário

A 9ª Comissão Permanente de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Alagoas realizou na segunda-feira(21.10.13) uma sessão pública sobre o Projeto de Lei nº 7447/10. De autoria do deputado Luiz Alberto (PT-BA), o projeto atribui à União e aos estados, a responsabilidade de elaborar, com a participação dessas populações, políticas que garantam direitos territoriais, sociais, ambientais, econômicos e culturais.

Estiveram presentes: Deputado Estadual Judson Cabral; Deputado Federal Paulão; Juliana kitanJi – Fórum Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional / Povos de Matrizes Africanas; Universidade Estadual de Alagoas (UNEAL); Ministério da Cultura/Fundação Cultural Palmares; Coordenação Nacional das Comunidades Quilombolas (CONAQ); Conselho Indigenista Missionário (CIMI); Fundação Municipal de Ação Cultural de Maceió (FMAC/Prefeitura de Maceió); acadêmicos; União do Movimento Moradia em Alagoas; Núcleo de Estudos sobre violência em Alagoas/UFAL; Coletivo Pop Fuzz; além de lideranças do Movimento Negro, casas de axé e quilombolas de Maceió e do interior (Arapiraca, Penedo, Taquarana).

Integrantes do Centro de Cultura e Estudos Étnicos Anajô – entidade vinculada aos Agentes de Pastoral Negros do Brasil (APNs) – marcaram presença na atividade. Confira abaixo o registro fotográfico completo:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sessão Pública debate sobre racismo na infância

12 de maio de 2011 Deixe um comentário

A atividade é uma parceria entre a Câmara Municipal de Maceió e a Assembleia Legislativa de Alagoas, que destacará a importância da Campanha do Unicef “Por uma infância sem racismo”

          

Nesta sexta-feira (13.05) a partir das 9h, terá no Plenário da Câmara Municipal de Maceió, uma sessão pública conjunta entre a Câmara e a Assembleia Legislativa de Alagoas, por intermédio das vereadoras Heloisa Helena (Psol) e Fátima Santiago (PP), em parceria com o Deputado Estadual Judson Cabral (PT). A ação busca dar visibilidade ao Programa Nacional do Fundo das Nações Unidas para Infância (UNICEF) intitulada “Por uma infância sem racismo”.

O Coordenador do UNICEF, Salvador Soler – que atua nos estados de Alagoas, Pernambuco e Paraíba – confirmou presença na atividade para apresentar dados estatísticos sobre os impactos do racismo durante o processo de formação sócio-cultural dos indivíduos. Também participarão da atividade política integrantes dos mais diversos segmentos afros, gestores públicos, representantes das entidades parcerias e municípios com selo da instituição internacional.

Essa campanha busca sensibilizar a sociedade e os veículos de comunicação, além de estimular a criação e o fortalecimento de políticas públicas voltadas para as populações mais vulneráveis. No Estado de Alagoas foi lançada no dia 03 de dezembro de 2010, na Serra da Barriga em União dos Palmares, local de grande representatividade histórica, onde se desenvolveu o Quilombo dos Palmares e o respeito étnicorracial – negros, brancos e índios se uniram e lutaram em busca de liberdade e respeito.

A vereadora Fátima Santiago acredita que somente por meio da infância pode-se mudar essa ação nefasta que é o racismo. “A desconstrução do racismo deve ser fortalecida sempre! A partir da escola é onde temos que levar a proposta inversa e fazer a reconstrução da identidade negra, partindo do princípio do grande líder Nelson Mandela, onde diz que a pessoa nasce com a mente livre e tudo se aprende ao longo da vida, inclusive, o preconceito. Então, se pode ser aprendido por ser feito uma forma de garantir a fraternidade plena”, ressaltou.

Em 2011, completa-se 123 anos da Abolição da Escravatura, que deixou efeitos danosos até os dias atuais. Por isso, que o Movimento Negro considera a data como o Dia Nacional de Combate ao Racismo para estimular a reflexão sobre as práticas preconceituosas que ferem a integridade humana e denunciar casos de racismo nas mais diversas esferas sociais. De acordo com dados estatísticos do IBGE e do PNAD, no Brasil vivem 31 milhões de crianças negras e 150 mil crianças indígenas, onde cerca de 26 milhões das crianças brasileiras estão em condições de pobreza, dentre elas, 17 milhões são negras.

 

SERVIÇO

Sessão Pública – “Por uma Infância sem racismo”

Propositores: Vereadoras Fátima Santiago e Heloisa Helena, em parceria com o Deputado Estadual Judson Cabral

Dia/ Hora: 13 de maio de 2011 (sexta-feira) a partir das 9h

Local: Câmara Municipal de Maceió – Praça Marechal Deodoro da Fonseca, 376, Centro.

Contatos: (82) 8831.3231 / 9977.2873

Fonte: www.fatimasantiago.com

Convite: Sessão Pública (13 de maio)

11 de maio de 2011 Deixe um comentário